Histórico convento da Espanha fechará depois de 500 anos

Written by on setembro 27, 2018

O convento de Santa Maria do Socorro da Congregação religiosa da Imaculada Conceição de Sevilha (Espanha) fechará as suas portas no dia 15 de outubro, depois de comemorar 500 anos de sua fundação de vida consagrada.

 

Este é o último convento de religiosas desta congregação que ainda está aberto na cidade de Sevilha, onde chegaram a ter até quatro.

A redução do número de vocações, assim como o gradual envelhecimento das religiosas, obrigou-as a fechar este mosteiro histórico.

Também informaram que as religiosas foram transferidas para o mosteiro da congregação na cidade de Mairena de Aljarafe, Sevilha (Espanha).

O Bispo Auxiliar da Arquidiocese de Sevilha, Dom Santiago Gómez Sierra, celebrará uma Missa de ação de graças por todos os anos que viveram no mosteiro no próximo dia 29 de setembro, às 19h, na igreja do convento.        

Segundo explica o jornal ABC, o convento de Santa Maria do Socorro foi fundado por nobres de Sevilha, entre os quais Juana Ayala, que no século XVI deixou a sua herança para a fundação de um mosteiro de monjas ligadas à congregação da Imaculada Conceição.

Colocou no seu testamento como condição que neste convento sempre houvesse pelo menos 20 religiosas “a serviço de Deus” que fossem “pobres e honestas”.

Também especificou que o convento seria chamado Santa Maria do Socorro, administrado pelas constituições de São Jerônimo e sujeitas ao prior do mosteiro de São Jerônimo de Buenavista.

O convento foi fundado de forma definitiva em 1524 e as primeiras religiosas entraram no claustro em 1525. Entre elas estavam algumas filhas dos nobres da cidade e uma parente de Juana Ayala.

 

Fonte: ACI digital


Current track
Title
Artist